<$BlogRSDURL$>

Do mal o menos

domingo, março 20, 2005

continuo na incessante procura do motivo que um dia levou à partida. o motivo da nossa [já há muito] prolongada ausência

Comments:
Se calhar não há nenhum motivo... e se houver, cada vez mais vai ser dificil de o encontrar... vai sendo apagado pelo tempo... é sempre assim...

Beijos!
 
Procurar o motivo, pode desviar-te da verdadeira ideia que deverás ter sobre as coisas que aconteceram. O motivo foi uma opção. Foram duas, qualquer que seja o ângulo! E será na responsabilização destas opções que vais encontrar motivos para continuares a procurar o motivo. Procurar por procurar, não adianta muito! Procurar para ajudar a decidir outra melhor opção, já é aceitável.
 
O silêncio que há na ausência se calhar já existia antes dela.
 
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
 
{ ... por vezes [cheios] de vazio nos sentimos [plenos; repletos] outras não [esvaziados; despejados] nos sentimos © de[mente] ... }
 
abraço
 
No Dia Mundial da Poesia, aqui vai uma, do Carlos Drummond de Andrade, relacionada com o post:

"Por muito tempo achei que a ausência é falta.
E lastimava, ignorante, a falta.
Hoje não a lastimo.
Não há falta na ausência.
A ausência é um estar em mim.
E sinto-a, branca, tão pegada, aconchegada nos meus braços,
que rio e danço e invento exclamações alegres,
porque a ausência, essa ausência assimilada,
ninguém a rouba mais de mim."

Do anónimo do costume.
 
Por vezes buscamos respostas onde a evidencia é clara, tão clara que nem notamos.
Um feliz dia e bom inicio de primavera...beijinho
 
(...)

Diz-me devagar coisa nenhuma, assim
como a só presença com que me perdoas esta fidelidade ao meu destino...
Jorge de Sena
beijo grande
 
A eterna Procura.
Beijos grandes
Mãe
 
Os motivos nem sempre são importantes....´preciso pensar na vida, e andar para a frente com ela..
 
E os motivos importam?
(a razão porque venho menos, é que as minhas visitas têm rareado, trintinha. Ainda não consegui voltar a disciplinar o meu tempo. Mas espero que seja breve. O carinho é o mesmo :) )
Beijinho meu
 
Enviar um comentário

[Top]