<$BlogRSDURL$>

Do mal o menos

domingo, maio 29, 2005

Momentos que se perdem III 



[ler post anterior com o mesmo titulo]

Mail enviado por ele;

Embora não necessite de resposta gostaria que soubesses que na altura a única percepção que tive era de que estavas noutra.
São momentos. E são deles que dependem as escolhas nas nossas vidas.
Normalmente não costumo pensar neste género de coisas, mas tu fizeste-me pensar.

Tenho pena do beijo que não me chegaste a dar, porque tinha outros para te retribuir. Realmente a escrita facilita dizer as coisas!

Não queria, no entanto, deixar de te enviar [mais um] beijo, cuja sensação e emoção espero não se perderem na net.


Ela responde com um smile :) Traduzindo o agrado pelas suas palavras e o carinho por ele.
Ambos tinham ficado com a percepção do momento outrora perdido. O momento que podia ter sido vivido.
Era chegada a altura dela se afastar.. e deixar a magia no ar
.

Comments:
Mas que interessante «estória» de sedução. A ver vamos qual o resultado...

Não vale a pena fazerem apostas, pois estas «cousas» não se conformam com tal tipo de jogatanas...
 
All that could have been but never was...

Pode até chegar a doer, mas também pode ser uma dor doce.
 
Os americanos têm uma expressão proveniente do desporto que aplicam a situações deste tipo:
- "time out".
O jogo segue dentro de momentos.
 
Tenho para mim que esses momentos que nunca chegaram a ser é assim mesmo que devem ficar! De nada adianta dar-lhes outra "roupagem"! Mas isso sou eu a falar!;)
 
Daí o titulo "momentos que se perdem", MWoman
 
Há momentos que mais vale ficarem perdidos! A dor sempre é menor...
 
Um "jogo" muito interessante! Parabéns
 
Não sei pq, mas se esta historia tem algo de verídico, não me está a soar bem. Ou estaremos na presença das duas pessoa mais racionais do mundo, e já agora, do homem mais fiel do mundo!? cá para mim estão os dois naquele jogo de fantasia, desejo impossibilitado... vamos ver quem cede primeiro.
 
tu dá-lhe.......
 
Tens um blog interessante. Parece uma janela para a tua alma.
Bonito.
 
Eu não me afastava, voltava atrás e dava o beijo que não tinha dado.
É uma questão de feitio.
Um beijinho do pai
 
Gostei destes "Momentos" !

Finurias / Toze
www.cagalhoum.blogspot.com
www.revelando.blogspot.com
 
Outro mail que "não necessita de resposta" surge de entre as palavras, sonorizado pelo silêncio dos momentos perdidos…
Os beijos que passaram céleres, sem que a percepção os vislumbrasse, "smilam" de novo no ar, entre lábios hesitantes e apetecidos.
A magia dos momentos que não acontecem flui através dos corpos que se desejam, ainda que a realidade não se molde definitivamente porque a harmonia se afasta...
 
Com ou sem devaneios, quero o meu Cabrio de volta!!! Morreu em 2002 com 22 anos de estrada!
 
Eu bem conheço o eterno sabor agri-doce que fica quando se deixou algo por acabar...
 
olha, eu gosta desse! Obrigada, desculpo. Se tem pic de boobs, manda!
 
Ai mas que custa não há´duvidasei que n/ é tarefa fácil esquecer um amor ou uma ilusão. Custa ai se custa.Beijos
 
São momentos que se perdem, beijos que não são trocados, enfim... só restará suspirar e andar pra frente.

Terá sido um ponto final? Quer-me parecer ter sido uma "conversa" racional... mas o ser humano não é só razão....

Beijocas
 
Há que agarrar os momentos, de parte a parte, sem magoar. Quite impossible, portanto á melhor parar por aí.
 
E acho que ela fez a melhor opçao... nisso eu acredito.
Bjs!
 
Pode doer não ter vivido...Mas eu sou daquele tipo de pessoas que pensa que, quando algo não acontece, foi para o bem...mais tarde consigo perceber isso. **
 
A eterna sedução, essa "magia" de que falas... o deixar pendente, ali, no vago... uma possibilidade. Porque ao primeiro sinal do "poderia ter sido" abriu-se o jogo...
 
a magia que fica é muito boa, mas tb pode ser angustiante viver na incerteza do que podería ter sido, ou não???
 
Enviar um comentário

[Top]