<$BlogRSDURL$>

Do mal o menos

terça-feira, agosto 16, 2005

Hetero-gay 



Existem certo tipo de homens que, pela sua maneira de estar e ser,
diríamos gay. Mas não são.

Soube duma amiga que tinha este amigo, muito próximo.
E nós perguntávamos:
- então… e não se passa nada!?
Ao que ela prontamente respondia:
- claro que não! Somos amicíssimos. Não vês que é gay?
De facto, tinha um lado sensível muito apurado e era todo afeminado.
Incapaz de despertar a libido de qualquer mulher.

Fugia de baratas e aranhas. Era péssimo em electricidade e mecânica.
Detestava ficar/ chegar sozinho a qualquer lugar.
No trânsito se algum macho condutor se exaltava, fugia.
Adorava decoração, jardinagem e fazia questão de ser sempre ele a cozinhar.
Para além de não lhe identificarmos qualquer insinuação
ou gesto de desejo por essa minha amiga.
A sedução era inexistente.
- eu nem o vejo como homem; afirmava ela.

Mas um dia decidem ir de ferias e partilham quarto e cama. Porque não?
E eis se não quando ela tem uma inesperadíssima surpresa.
O seu amigo afinal não era gay, muito pelo contrário.
Era conhecedor de tudo o que era feminino, e pelos vistos, lato senso.

Ainda hoje, dou comigo a olhar para ele com aqueles trejeitos e
rompantes e aquela voz bem afinada, e a interrogar-me como puderam casar?
Alguns nossos amigos gays afirmam convictamente que a ele apenas
ainda não "lhe saltou a pluma".

Estes hetero-gays têm algo com que as mulheres se identificam e gostam,
mas será que as atraem?

Comments:
Gostava de te poder ajudar a responder à essa questão, posso contudo dizer-te, que aos homens falta muita dessa "sensibilidade" que lhes permite entrar no mundo feminino. É tudo uma questão de equílibrio!
Bjx

PS - Há muito macho libido-libertador com medo que "lhe salte a pluma"!
 
Hetero-Gay....aí está uma definição estranha...
Essa coisa de por ele ter um lado feminino mais saliente ou ter uma sensibilidade para assuntos que normalmente são mais femininos não o faz gay....
Novamente, n estamos de acordo :P
 
Mas são daqueles que sabem lidar tanto com mulheres como com homens. Têm uma imensidão de gente que gosta deles.
E há uns assim que não se lhes pode apontar nada. Apenas que não atraem tanto excepto para uma imensa amizade. Mas é vê-los perzeguidos por inúmeras mulheres q lhes desejam um olhar amigo.
São os mais sortudos, tornam-se os bons rapazes e raras pessoas não gostam deles.
Muitos foram educados por uma multidão de mulheres.
 
O teu post já tem a resposta: não.
Ingénuamente, acreditei muito tempo que sim. A realidade mostrou-me o contrário. As mulheres teriam muito a ganhar se fossem mais consistentes entre o que dizem e o que fazem.
 
Vá-se lá saber...a mim, sinceramente não me atraem...a não ser que seja um grande naco, mesmo daqueles de perder a cabeça.
Beijocas
 
A mim nunca me enganam, quanso são gays, topo-os à légua! Sempre me dei bem com eles.

Detesto aqueles que sendo, fingem não ser.

Essa nova classe de hetero gays, hum!!!cheira-me a esturro, dizendo melhor...são capazes de dar ara os dois lados.

Vamosa ver se não levo na cabeça, com esta afirmação.
Beijos
 
...dar para os dois lados, este teclado falha.
 
Há um ditado que diz: mais vale ser do parecer. Hetero-gay é uma espécie de lobisomem, transforma-se quando está luar.
Um beijo do pai
 
{ ...

“as aparências iludem” [?!] ; “as excepções confirmam a regra” [!?] ; “que tal um homem ser afeminado e um afeminado ser um homem” [!?] ; “nada se perde tudo se transforma” [!?] ; “se este tipo de homens as atraem, são elas as hetero-gays” [?!] ; “mais vale cair em/ser a dúvida do que a ser/cair no real” [!?] ; por fim: “existem gostos pra’tudo” [!?] – em resposta: “acho que não mas tb acho que sim”

© in[culto]

beijos*mil

... }
 
Hummmm... E a tua amiga não será Lesbo-hetero? :) :-)

Olha, eu cá assumo-me como Direitofilo-lesbo, que é como quem diz: Gosto de advogadas!
 
Tenho de levar este tema a discussão...conheço uma pessoa que tem sempre grandes finais para estas histórias!
LOL
:-)
 
A mim, alguns atraem..Já chega de homens que dizem que não choram e depois se fecham no quarto com as lagrimas pela cara abaixo. Porque não admitir?? Porque não chorar e rir quando as coisas acontecem? Porque não ser sensivel so porque se tem medo que a sociedade nos aponte o dedo. Felizmente há homens que ja estão a perder o medo de serem (mal) conotados pela sociedade so porque podem ter gestos e sensibilidade que é sempre associada a um gay..... eu gosto de homens sensiveis.
Bjokinhas
 
Enviar um comentário

[Top]